A ARIL atende crianças e jovens há quase 60 anos, referencia pela assistência inclusiva, buscando sempre novas abordagens e suporte e dispondo dos melhores profissionais para auxiliar nessa jornada.

Uma das ferramentas que a ARIL utiliza para ajudar seus atendidos é a tecnologia assistiva. Esse termo diz respeito aos recursos e serviços que prestam assistência às pessoas com deficiências.

A independência dos assistidos é o maior objetivo desses recursos, que podem suprir suas necessidades e permitir que eles tenham autonomia. Alguns exemplos de ferramentas da tecnologia assistiva são as órteses, próteses e os meios auxiliares de locomoção.

Os fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais estão liberados para prescreverem esses recursos, segundo o SUS, e nossa organização conta com profissionais capacitados.

As adaptações dessa tecnologia, especialmente as órteses, são indicados quando o atendido é incapaz de manter a postura adequada na posição correta e funcional. Além de serem utilizados, também, na prevenção de deformidades, ou necessidade de repouso e imobilização de uma articulação.

A orientação adequada quanto à utilização dessas adaptações é imprescindível para o tratamento atinja o objetivo proposto. Os profissionais responsáveis realizam a indicação quanto ao período a ser usado. Auxiliam, ainda, quanto à colocação correta do aparelho e sua higienização.

Muitas vezes, durante o uso, aparecem os pontos de pressão – que são manchas avermelhadas na pele. Os atendidos da ARIL, então, são cuidadosamente instruídos sobre os procedimentos necessários para que isso não ocorra. Tudo para que cada detalhe não passe despercebido.

As reavaliações são frequentes, e as adaptações podem ser reajustados porque são confeccionados  com o polipropileno, que é o material ideal para esses ajustes, sem causar desconfortos e ajudando na mobilidade do movimento.

A ARIL busca o melhor para os seus atendidos, usando esse material para que a tecnologia assistiva tenha a sua máxima adaptação ao paciente.

Essas atendidos não devem ser tratados como incapazes, e precisam da presença e incentivo familiar para fazerem da tecnologia um caminho para a autonomia.

Essa independência pode trazer muitos benefícios, sendo qualidade de vida e inclusão social os mais importantes, já que o atendido passa a se ver como participante ativo de sua vida, com mobilidade e habilidades para isso.

Utilizamos todos os nossos recursos para colocá-los em prática, já que nosso compromisso é com a evolução e independência desses atendidos.

Conheça o nosso projeto e venha ajudar a gente!

 

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.